Início Tecnologia Bitcoin e dogecoin: declaração de Elon Musk derruba cotação de criptomoedas

Bitcoin e dogecoin: declaração de Elon Musk derruba cotação de criptomoedas

Após uma publicação do empresário, o preço do bitcoin caiu 14%

Apesar de ser um adepto das criptomoedas e aceitá-las como forma de pagamento na aquisição dos carros da companhia, Elon Musk, CEO da Tesla, se mostrou bastante preocupado com o criptoativo, já que há riscos ao meio ambiente.

Por conta disso, o empresário afirmou em uma publicação feita em sua conta oficial do Twitter que vai suspender o uso do bitcoin como pagamento para compra dos veículos. Como justificativa, ele afirma que a prática de mineração representa um uso exacerbado de combustíveis fósseis, que podem prejudicar o planeta.

Isso acontece principalmente pelo uso de computadores bastante potentes e que apresentam alto consumo para mineração de criptomoedas.

Por conta da publicação de Musk, o preço do bitcoin caiu 14% na última quarta-feira (12). Para se ter uma ideia, o valor de comercialização fechou abaixo dos US$ 49 mil – com a média sendo normalmente acima de US$ 56 mil.

Queda além do bitcoin

O dogecoin, uma criptomoeda que surgiu como meme, também apresentou quedas – mesmo que o valor dela já seja baixo. Foi registrada uma diminuição de 13% em seu valor. De US$ 0,74, a moeda passou a ser vendida por US$ 0,39.

Para tentar reverter a situação, a Binance, considerada uma das maiores corretoras do mundo, passou a tentar vender o dogecoin mesmo em meio à desvalorização. Isso foi feito por meio de anúncios massivos da criptomoeda.

Apesar da polêmica, Elon Musk não revelou se deixará de aceitar definitivamente o bitcoin como moeda para compra dos veículos de sua empresa.

Via: CNet

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

DESTAQUES