Início DEV Quais são as linguagens de programação mais requisitadas?

Quais são as linguagens de programação mais requisitadas?

Confira as 8 linguagens de programação mais populares no mercado de trabalho!

O mundo da programação é vasto em opções e oportunidades, e dentro de cada uma há inúmeras ferramentas que podem atender a diferentes propósitos. O mercado precisa de profissionais com as mais variadas habilidades e especializações; você sabe dizer quais são as principais linguagens de programação?

Dependendo do profissional que você quer se tornar (Front-end, Back-end ou Full Stack), é necessário se aprofundar em linguagens de programação diferentes, e algumas delas se mostram presentes em múltiplas áreas. Entre os destaques estão:

1. JavaScript

Inicialmente implementada como parte de navegadores web para a execução de scripts pelo lado do PC do usuário, JavaScript recebeu grande destaque no mercado por ser importantíssima para a construção de sites e plataformas refinadas.

Linguagens de Programação: JavaScript

O programador Front-End precisa estar familiarizado com a linguagem e suas características para usá-la adequadamente em aplicações web para desktop e mobile, abusando da interatividade e do polimento que pode oferecer. Não é uma linguagem muito difícil, então deve ser acompanhada por habilidades igualmente importantes.

2. PHP

O PHP é uma importante ferramenta, especialmente útil para aplicações web e interações com as páginas da internet, suportando funções que o HTML não é capaz de entregar. Também é utilizado para a integração entre informações da página e do banco de dados MySQL. Alguns exemplos de aplicações estão nas versões web do Facebook e Yahoo.

Linguagem PHP

3. TypeScript

Finalizando as dicas para o Front-End, o TypeScript pode ser um bom aliado para complementar o uso do JavaScript. Trata-se de um superset (superconjunto) do JS, com adições importantes para programação orientada a objetos, trazendo encapsulamento, herança, abstração e polimorfismo para a mesa.

Ele soluciona essa deficiência do JavaScript e amplia sua versatilidade na programação de scripts para execução local, oferecendo solução para uma vasta lista de problemas e incompatibilidades. Nesse caso, tudo feito em TypeScript é compilado em código JavaScript adaptado, mas com suas demandas devidamente atendidas.

4. C, C++ e C#

A linguagem C e suas variantes C++ e C# são as mais antigas já lançadas e muito respeitadas em todo o mercado. A C original apresenta conceitos fundamentais e pode ser aplicada em vários programas, adotada por grandes companhias como Microsoft e Linux. É versátil e facilmente levada para outros dispositivos.

Linguagens C

É uma linguagem leve, que não exige muito da máquina e permite que seja usada em várias configurações. Sendo assim, pode ser utilizada tanto para a programação de computadores de mesa quanto para dispositivos com Internet das Coisas (IoT).

5. Python

Muitas vezes a porta de entrada para o mundo da programação, Python é uma das linguagens de programação de fácil entendimento e que pode ser útil para dar os primeiros passos nesse universo. Lançada há quase 30 anos, alavancou sua importância no mercado nas décadas mais recentes com um código de simples leitura humana e amplamente utilizado para desenvolvimento web e aprendizado de máquina.

Linguagem Phyton

Mas não se assuste com suas aplicações mais complexas. Python pode ser inserida em softwares mais simples e apresentar uma vasta quantidade de ferramentas de programação, também utilizada para criar imagens 2D, animações 3D e até em motores gráficos.

6. Java

Esse familiar nome pode estar na palavra JavaScript, mas elas não são nada parecidas. Java é altamente portável, sendo levada para qualquer tipo de aparelho com facilidade e perfeita para a criação de aplicativos Android. A escalabilidade também é um grande ponto positivo, permitindo que o programa se adapte à medida que cresce em número de utilizações, incluindo retrocompatibilidade, considerando que versões antigas de programas em Java também rodam em versões atuais.

7. Ruby

Ruby não podia faltar nesta lista de linguagens de programação. Ela é perfeita para a construção de serviços por aplicativos, redes sociais e outras plataformas que precisam gerenciar dados e apresentar apps intuitivos. Está presente em serviços como Airbnb e Twitter, com sintaxe de fácil interpretação humana e de forma enxuta, minimizando o tamanho do código para a criação de um app.

Ruby conta com o framework web Ruby on Rails, que permite o lançamento de apps web com altíssima velocidade. Apesar disso, não é uma linguagem fácil de escalar, sendo difícil de manter à medida que a aplicação cresce em popularidade.

8. Go

Criada pela Google e construída em código livre em novembro de 2009, Go é uma linguagem compilada focada em produtividade. É nova em comparação com as demais, mas se mostrou promissora e pode ser interessante conhecê-la e se preparar para futuras demandas do mercado.

Recentemente, Go passou a ser mais comentada e foi adotada em aplicações como Docker e Kubernetes, ferramentas indispensáveis para um profissional da computação, estando presente em algumas aplicações para Windows, Linux, FreeBSD e Mac OS X.

Visualmente, a Go se parece muito com a linguagem C, mas apresenta estrutura mais descomplicada e de fácil aprendizado. É uma interessante aposta para o futuro e, considerando sua natureza mais simples, não deve tomar muito tempo para garantir domínio da sintaxe.

Por: Igor Almenara

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

DESTAQUES

O primeiro PS5 do KaBuM! pode ser seu

Confira as últimas novidades do console e participe da promoção “Esse PS5 é Meu” para ganhar o primeiro exemplar do produto no KaBuM!

Vem aí o PlayStation 5

Com lançamento previsto para o final de 2020, as expectativas dos gamers para a chegada do novo console da Sony são grandes. Confira!

Como montar a configuração ideal para seu PC gamer?

Montar um PC gamer não é tarefa fácil. Muitos detalhes, conexões e compatibilidades entre os componentes podem trazer "dor de cabeça", sem considerar os elevados custos que...

Por dentro do Black Friday do KaBuM!

Por dentro do Black Friday do KaBuM!. Participante em 12 edições da maior promoção anual da internet, o e-commerce se prepara para surpreender novamente milhões de visitantes, em busca dos melhores descontos. Enquanto a data tão esperada não chega, vamos relembrar como foi o evento em 2019.