Início Segurança Mozilla planeja lançar pacote de privacidade ainda neste ano

Mozilla planeja lançar pacote de privacidade ainda neste ano

Intitulado de Mozilla Privacy Pack, plano de assinatura deverá contemplar os serviços Firefox Relay, Firefox Monitor e Mozilla VPN

Empenhada em recuperar o público perdido no último ano, a Mozilla, desenvolvedora do Firefox, estaria planejando oferecer um pacote de privacidade para seu navegador ainda em 2021. Segundo os rumores, o plano, intitulado de Mozilla Privacy Pack, deve combinar os serviços Firefox Relay, Firefox Monitor e Mozilla VPN — entre outras ferramentas — em um único produto baseado em assinatura.

Por ora, alguns destes serviços estão disponíveis de forma gratuita. No entanto, a ideia da Mozilla seria aumentar a funcionalidade desses produtos para tornar o pacote mais atraente e justificar o pagamento mensal.

O Firefox Relay, por exemplo, é um serviço de encaminhamento de e-mails. Na versão gratuita, são disponibilizadas apenas cinco aliases (endereços de encaminhamento), mas no plano de assinatura as aliases seriam ilimitadas.

Ilustração do serviço Firefox Relay
Foto: Reprodução

Além disso, os usuários premium do pacote de privacidade poderiam utilizar domínios personalizados (na verdade, apenas o subdomínio). Com isso, as aliases estariam disponíveis no formato @”nome do domínio”.mozmail.com.

Já o Firefox Monitor da assinatura removeria o limite de e-mails cadastrados no serviço — responsável por monitorar violações de dados da organização. Outra função da versão paga seria a possibilidade de o cliente solicitar que a Mozilla remova seus dados de sites por meio de um formulário.

Ilustração do produto Firefox Monitor
Foto: Reprodução

Os recursos do Mozilla VPN para os assinantes do pacote de privacidade não devem receber upgrades.

Preços do Mozilla Privacy Pack

De acordo com o blogueiro e colaborador da Mozilla da Alemanha, Sören Hentzschel, os preços da assinatura foram revelados em um projeto obtido por ele. Os valores partiriam de US$ 9.99 (R$ 51,99 em conversão direta) e chegariam a US$ 12,99 (R$ 67,61) por mês.

Hentzschel reforça ainda que o pacote pode oferecer serviços e ferramentas adicionais, como um gerenciador destes três serviços em um único app voltado para mobile, mas nada ainda foi confirmado.

É difícil prever se o plano vai ou não valer a pena, até porque o projeto não foi anunciado oficialmente. Contudo, se os valores forem confirmados, pode ser uma ótima opção para quem deseja reforçar a segurança no meio digital — especialmente para quem já pagava pelos serviços da desenvolvedora do Firefox.

Talvez essa seja uma das apostas para a Mozilla recuperar os prejuízos causados pelos 46 milhões de usuários que abandonaram seu navegador de 2018 até o segundo trimestre deste ano. E começar pela segurança online, especialmente em tempos de home office, parece ser um bom começo.

Fonte: Ghacks

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

DESTAQUES