Início Softwares Windows 10: Microsoft deixa programa Insider sem novidades

Windows 10: Microsoft deixa programa Insider sem novidades

A Microsoft não implementará novidades nas versões de testes do Windows 10 do programa Insider até o dia do evento que pode revelar seu sucessor. Entenda!

No dia 24 de junho, a Microsoft deve apresentar o sucessor do Windows 10 e, enquanto o evento não é realizado, diversos rumores continuam a surgir. Nesta semana, algo que começou a chamar a atenção é a falta de novidades vistas no programa Insider, em que a empresa disponibiliza versões de testes do sistema.

De acordo com uma publicação feita no próprio site da Microsoft, a Build 21390 do Windows 10, liberada no dia 7 de junho, não traz nenhuma novidade e nem mesmo correções para bugs. Tal movimento deixou diversos usuários confusos, uma vez que as últimas versões do sistema no programa Insider estavam repletas de novidades ou, ao menos, de correções.

Essa ação da Microsoft em “pausar” as novidades do programa Insider, é claro, levantou rumores de que a empresa tem algo realmente grande previsto para ser anunciado nos próximos dias. Assim, é esperado que tal pausa tenha sido realizada por conta dos recursos do Windows 11 estarem sendo implementados nas próximas versões de teste do programa Insider.

No Twitter, entretanto, Brandon LeBlanc, um dos líderes do programa, respondeu para outros usuários que tal procedimento é normal para a validação de processos e até mesmo chegou a acalmar os ânimos de algumas pessoas que estão esperando por grandes novidades.

Próxima versão do Windows 10 no programa Insider só deve sair após evento

Já o site Windows Latest, especializado em notícias do sistema, apontou que uma nova build do Windows não deve surgir no programa Insider antes do dia 24 de junho. Não somente isso, o site ainda ressalta que até mesmo recursos vistos anteriormente foram retirados das últimas versões de testes do Windows 10 liberadas para o público.

Os últimos rumores em relação a um novo Windows mostram que a Microsoft quer mudar o visual do sistema em alguns pontos, como na tela de configurações. Além disso, a empresa também deve mudar diversos ícones antigos do sistema, que não passam por mudanças desde os anos 90.

A Microsoft só deve realizar um anúncio oficial e confirmar se o Windows 10 ganhará um sucessor no evento marcado para o dia 24 de junho.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

DESTAQUES