Início Dicas e Reviews Por dentro do Surface Duo: smartphone com 2 telas da Microsoft

Por dentro do Surface Duo: smartphone com 2 telas da Microsoft

Microsoft tenta emplacar na tendência de smartphone dobrável com um dispositivo de 2 telas, focado em produtividade.

Em uma nova aposta no mercado de celulares, a Microsoft lançou o Surface Duo, seu smartphone Android com duas telas. Prometendo versatilidade e produtividade, o dispositivo aproveita a onda de dobráveis, mas tenta inovar nessa tendência ainda em formação.

Duas telas, Android customizado e grande aposta em produtividade, esse é o Microsoft Surface Duo em poucas palavras. O aparelho, que está sendo vendido por US$ 1.399, é um prato cheio para quem precisa de um dispositivo recheado de ferramentas e tenta se aproximar de experiências convencionais de notebooks e tablets de forma agressiva.

A proposta da Microsoft para o mercado de dobráveis tem duas telas independentes, mas que funcionam em conjunto. O Surface Duo é espaçoso e quase perde o direito ao título de celular, pelo tamanho avantajado. Pode ser pouco prático em muitos casos, como para fazer uma ligação ou tentar navegar com mais agilidade, mas atende com êxito à sua proposta.

Os dois painéis são OLED de 5,6 polegadas fortalecidos com Gorilla Glass, totalizando 8,1 polegadas de tela em resolução 2.700×1.800 pixels. Por dentro, o hardware conta com um Qualcomm Snapdragon 855, 6 GB de RAM e armazenamento de até 256 GB e é alimentado pela singela bateria de 3.577 mAh.

Surface Duo: Uma nova aposta da Microsoft

A companhia quer produzir hardware próprio, mas renunciou ao Windows Phone. Desde a descontinuação do sistema operacional para mobile, a gigante de Redmond tem investido no crescimento do ecossistema para Android e iOS, e parte dessa aplicação recai sobre o novo projeto do dobrável de duas telas.

No caso do Surface Duo, a parceria entre Microsoft e Google resultou em uma distribuição customizada do Android 10 para proporcionar trabalhos paralelos ou conjuntos nas telas. Em cenários reais, o usuário pode assistir a um vídeo enquanto edita um documento, responder a mensagens durante reuniões ou atender a chamadas aproveitando a dobradiça de 360°.

Por sua construção e seu objetivo, não é difícil julgar o Microsoft Surface Duo como um produto de nicho. Ele não figura como um dos smartphones mais poderosos do mercado nos padrões atuais, mas compensa essa disparidade com suas funções extras; ainda assim, a bateria é limitada para aguentar longas horas de atividade em duas telas ligadas simultaneamente.

Duas telas do Surface Duo
Usar apps paralelamente em cada uma das telas é um dos pontos altos do Surface Duo. (Fonte: Microsoft/Divulgação)

Para efeitos de comparação, o Samsung Galaxy Z Fold 2, um dos principais concorrentes, tem duas telas em AMOLED Dinâmico na parte interna e externa que, quando somadas, têm maior resolução que as duas telas do Surface Duo. A bateria do dobrável da sul-coreana, por sua vez, é de 4.500 mAh, o que deve dar conta do hardware por mais de 24 horas de uso moderado.

Entretanto, o Surface Duo é voltado para a produtividade, implicando longos períodos com ambas as telas ligadas em aplicativos de edição de documento, vídeos, videoconferências e apresentações. Se o usuário aproveitá-lo para todas essas tarefas, é pouco provável que o dobrável chegue até o fim do dia com boa quantidade de energia sobrando.

Disponibilidade limitada

O lançamento é interessante para competir no setor de dobráveis, mas a exclusividade para o mercado estadunidense prejudica o primeiro período de vendas. O Surface Duo foi lançado em 10 de setembro de 2020, e a pré-venda começou em agosto, mas ainda não há qualquer informação sobre a comercialização do modelo fora dos EUA.

A quantidade limitada de acesso cai como água fria nos fãs da companhia que tanto aguardavam pelo retorno da marca ao mercado de smartphones, restando a eles a busca por alternativas.

Itens do Surface Duo
Itens da caixa incluem apenas uma “capinha protetora” para as bordas. (Fonte: Microsoft/Divulgação)

Entre as opções está o LG G8X ThinkQ, visualmente semelhante ao Surface Duo, mas voltado para uso cotidiano, o Samsung Galaxy Fold e o Galaxy Z Fold 2. Smartphones convencionais também são alternativas nessa faixa de preço, apesar de não apresentarem tanta versatilidade. O Samsung Galaxy S20 Ultra e o S20+ são modelos interessantes, assim como a linha iPhone 11.

Ademais, considerando que são opções mais conhecidas e direcionadas a todos os públicos, não é difícil encontrar aparelhos em ofertas especiais durante o Black Friday do KaBuM!.

Por: Igor Almenara

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

DESTAQUES

Vem aí o PlayStation 5

Com lançamento previsto para o final de 2020, as expectativas dos gamers para a chegada do novo console da Sony são grandes. Confira!

O primeiro PS5 do KaBuM! pode ser seu

Confira as últimas novidades do console e participe da promoção “Esse PS5 é Meu” para ganhar o primeiro exemplar do produto no KaBuM!

Conheça o ROG Phone 3, lançamento da Asus

Smartphone apresentado pela marca nesta semana conta com Snapdragon 865 Plus e até 16 GB de RAM.

Monitores de 360Hz para as novas gerações de GPUs

360Hz é a promessa das placas de vídeo da nova geração. Mas, qual o impacto disso na hora de jogar?