Início Hardware Nós testamos: Conheça a nova RTX 3080 da MSI

Nós testamos: Conheça a nova RTX 3080 da MSI

Montamos um super PC para levar ao máximo a performance desse grande lançamento! Confira por aqui um resumo da nossa live e o que usamos para testá-lo.

Ela chegou! Recebemos em nosso estúdio do KaBuM! TV a placa GeForce RTX™ 3080 GAMING X TRIO 10G da MSI, para que fosse dissecada por nossos apresentadores, Américo e EmersonBR, em vários jogos e benchmarks. Os resultados foram surpreendentes! Acompanhe, abaixo, como foi esse evento.

Unboxing e primeiras impressões

A placa de vídeo da MSI foi aberta ao vivo em um unboxing para mostrá-la em detalhes.E a primeira coisa que certamente impressiona é o seu tamanho. A placa não se apresenta apenas gigantesca e robusta, mas também é acompanhada por um suporte para ser colocado em seu gabinete, a fim de sustentar o peso. A placa possui 3 conectores de energia e a fonte recomendada é de 750W. Uma barra RGB, na parte superior, dá um toque especial ao modelo, e o backplate preto com o logo da MSI combina muito bem com ela. Na área frontal, temos 3 coolers grandes e surpreendentemente silenciosos, que fecham o pacote com chave de ouro.

Placa-Conectada_PC
A placa ligada em nosso supercomputador. Detalhe para a barra de LED.

Backplate-Placa
Foto do backplate da placa. (Fonte: MSI)

Coolers-Placa
Os 3 coolers da placa. (Fonte: MSI)

Entradas-Placa
As entradas de vídeo, destaque para o HDMI 2.1, que permite maior qualidade e frequências mais altas. (Fonte: MSI)

Placa-Caixa
Detalhes da placa e de sua caixa. (Fonte: MSI)

Mas, o show estava só começando! Então, vamos para a atração principal, a super máquina montada, os jogos e o desempenho da placa!

Nosso PC

O PC utilizado nos testes foi montado em uma bancada, e apresenta as seguintes peças:

Placa-mãe: ASUS TUF Z390-PRO GAMING.
Processador: Processador Intel® Core™ i9-9900K.
Memória RAM: 4x G.Skill Trident Z 3600mhz CL16, totalizando 64GB.
Fonte: Corsair RM850X.
SSD: SSD Samsung 970 EVO Plus 1TB.
Cooler: Noctua NH-U12A “Custom” (Em breve no KaBuM!).

E, claro, nossa estrela: a placa de vídeo MSI RTX 3080 Gaming X Trio 10GB– o modelo mais potente da MSI da categoria 3080. O setup foi escolhido para testar ao máximo a performance da RTX 3080, utilizando um monitor em 4K e algumas simulações em Full HD.

Os testes

Nossos apresentadores deixaram claro que a interação com o fãs seria total, então, muito jogos foram rodados não só no ultra e em 4K, mas em outras resoluções, para que as pessoas assistindo pudessem sanar suas dúvidas. Para começar, que tal ver a placa pelo software CPU-Z, que mostra os detalhes de cada parte da placa?

Testes CPUZ

Um dos destaques é o número de transistores: 28000 milhões. Mais do que o dobro da 2080Ti.

Feito isso, iniciamos o benchmark Port Royal da 3DMark, que utiliza Ray Tracing e foi rodado em 4K, contando com um nível absurdamente alto de reflexos e renderizações complexas.

Teste Port Royal

A GPU manteve uma médias de 50 FPS, chegando a picos de mais de 120, e não passou dos 73º, considerado um resfriamento ótimo para uma placa em resoluções tão altas – o que comprova a eficiência do sistema de cooler.

O próximo jogo utilizado foi o Red Dead Redemption 2, um dos jogos mais lindos da atual geração e famoso por levar placas de vídeo ao limite quando rodado em seu máximo. E foi justamente o que foi feito. O game foi colocado no ultra e a resolução em 4K. Posteriormente, os testes foram iniciados.

Resultado Red Dead Redemption 2

E a tela de resultados mostra que a performance é realmente de cair o queixo. O jogo se manteve a todo momento acima de 60 FPS, caindo apenas em trocas de cena quando a tela ficava escura para o loading, o que é algo normal em qualquer game. O pico é de 86 FPS. Um dos jogos que mais demanda de placas de vídeo foi derrubado mesmo com o 4K a seu favor.

Red Dead Benchmark

O próximo game da lista foi Call of Duty Warzone, a pedido dos espectadores. O jogo, novamente, foi colocado com todas as suas opções no ultra e em 4K, e após isso os nossos apresentadores partiram direto para uma partida.

Call of Duty Warzone

Como a imagem acima bem demonstra, mesmo com essa resolução altíssima, o jogo atingiu 95 FPS em média, com um mínimo de apenas 84. Tudo isso enquanto a placa se mantinha fria e a imagem nítida. E se você está curioso, quando o gráfico foi reduzido para o mínimo, mas ainda em resolução 4K, a média passou para 148 FPS.

O próximo game foi o clássico Counter-Strike: Global Offensive, mais uma vez colocado em 4K com tudo no ultra. Embora não seja um jogo pesado, a quantidade de FPS é importante por ser um game competitivo, e também foi um pedido de nossa audiência. E seu desempenho foi de 300 FPS, uma quantidade realmente impressionante, capaz de permitir uma latência mínima, que com certeza é o sonho de muitos profissionais. E por curiosidade do público, o game foi colocado em 1080p e com tudo no mínimo, atingindo a média de 330 FPS.

Counter-Strike Global Offensive

Se você já está impressionado com a performance até então, e se te disséssemos que tudo isso foi feito antes do driver mais atual ser lançado? No meio da nossa live ocorreu o lançamento da NVIDIA para o driver pronto para as RTX Série 30 – O que permite uma otimização e, por consequência, um desempenho ainda melhor.

Após a instalação do driver, foi ligado o lendário GTA V. A resolução, claro, foi em 4K com tudo no ultra, menos o MSAA – uma tecnologia de anti-aliasing que melhora as bordas das imagens a um preço alto na performance.

GTA V

O jogo rodou a uma média de incríveis 120 FPS, mantendo-se estável até mesmo nos momentos de mais ação. Os efeitos ficaram lindos em alta resolução e GTA V mostra que, mesmos sendo do começo da geração, ainda se mantém como um dos games mais bonitos já feitos. Ligando o MSAA, o FPS se manteve na média de 55, o que demonstra o peso que essa tecnologia tem na performance do GTA.

Como o driver foi atualizado, decidimos re-colocar o Port Royal da 3DMark para mais uma sessão de testes, checando a melhoria de performance que ele permitiu.

Resultados Port Royal

E, só atualizando o driver, partimos de 11370 de resultado para 11967. Lembrando que, esse é apenas o primeiro driver. Cada novo driver vai aprimorar ainda mais a performance e otimizar a placa para mais jogos, ou seja, espere desempenhos ainda melhores!

E nosso próximo game foi o recente Microsoft Flight Simulator, um dos jogo mais lindos da atualidade, e entre os mais pesados também.

Microsoft Flight Simulator

O jogo em 4K e com tudo no ultra é realmente um colírio para os olhos, e a placa conseguiu um desempenho de 44 FPS constantes, sem nenhum problema ou travamentos. Os visuais de tirar o fôlego são um presente para qualquer fã de games, com um draw distance impressionante e reflexos lindos.

DOOM Eternal foi nossa última atração, e apresentou um desempenho de “apenas” 254 FPS em média. Um jogo frenético e lindo como DOOM, com certeza merece ser jogado em um “monstro” como essa placa.

DOOM Eternal

E aí, o que achou do desempenho da MSI RTX 3080 Gaming X Trio 10GB? Ansioso pelos jogos da nova geração dela? Feliz pelo seu desempenho em 4K? Conta pra gente! E lembre-se que, para ser avisado quando as placas de vídeo retornam ao estoque do KaBuM!, basta clicar no “Avise-me Quando Chegar!” em nosso site, e você receberá um e-mail.

Ah! E fique ligado, pois outros modelos devem chegar em breve. Por isso, não deixe de conferir a nossa página sobre GeForce RTX Série 30 para ter acesso a todas as novidades da série 30 no KaBuM!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

DESTAQUES

Vem aí o PlayStation 5

Com lançamento previsto para o final de 2020, as expectativas dos gamers para a chegada do novo console da Sony são grandes. Confira!

O primeiro PS5 do KaBuM! pode ser seu

Confira as últimas novidades do console e participe da promoção “Esse PS5 é Meu” para ganhar o primeiro exemplar do produto no KaBuM!

Conheça o ROG Phone 3, lançamento da Asus

Smartphone apresentado pela marca nesta semana conta com Snapdragon 865 Plus e até 16 GB de RAM.

Monitores de 360Hz para as novas gerações de GPUs

360Hz é a promessa das placas de vídeo da nova geração. Mas, qual o impacto disso na hora de jogar?