Início For Gamers Nintendo processa homem chamado Bowser por vender ferramentas para destravar o Switch

Nintendo processa homem chamado Bowser por vender ferramentas para destravar o Switch

Homem com o mesmo sobrenome do vilão clássico da Nintendo, responsável pelo Team Xecuter, é processado por vender ferramentas para destravar o Switch

O Bowser é um dos personagens mais icônicos da Nintendo devido a seu visual diferente e planos mirabolantes geralmente para sequestrar Peach. Após estar envolvido em uma polêmica na semana passada envolvendo seu órgão genital, o clássico vilão vê seu nome, mesmo que parcialmente, envolvido em um novo processo.

Na última sexta-feira, a empresa entrou com um processo oficial contra um homem chamado Gary Bowser, um dos responsáveis pelo Team Xecuter. Este time em questão é bem conhecido por vender ferramentas e até mesmo dispositivos capazes de hackear o Switch, incluindo sua versão Lite, para rodar aplicativos não autorizados e jogos obtidos ilegalmente.

Já Gary Bowser, especificamente, possui um histórico ainda mais polêmico com a Nintendo. Além de ter contribuído para destravar o Nintendo Switch, ele também teve o seu nome envolvido em sistemas para destravar o 3DS em 2013, que foi recentemente descontinuado.

Briga da Nintendo contra grupos hackers é antiga

Apesar desta briga contra Bowser estar em evidência neste momento, essa não é a primeira vez que a empresa luta contra hackers. Nos últimos anos, por exemplo, a Nintendo ganhou uma ação de aproximadamente 2 milhões de dólares. Já na última semana, a empresa ganhou uma ação contra um grupo que vendia um pequeno dispositivo capaz de carregar hacks no Switch.

No caso mais específico deste processo contra Bowser, a Nintendo está pedindo uma indenização de US$ 2.500 (aproximadamente R$ 13.900) para cada dispositivo e mais US$ 150.000 (aproximadamente R$ 831.000) para cada violação de marca. Além das indenizações, a empresa também pede que o Team Xecuter tenha as suas atividades encerradas de forma definitiva.

Fonte: Polygon

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

DESTAQUES