Início Tecnologia China proíbe utilização de criptomoedas em bancos e sistemas de pagamento

China proíbe utilização de criptomoedas em bancos e sistemas de pagamento

No entanto, usuários individuais que investes em criptomoedas podem continuar utilizando os criptoativos

As criptomoedas, apesar de bastante populares e utilizadas, estão passando por um período de desvalorização. De acordo com o portal Coinbase, o mercado apresentou uma baixa de quase 15% nesta quarta-feira (19).

Os motivos para isso ainda não estão claros, mas acredita-se que tenha relação com o fato de que a China proibiu a utilização de criptomoedas em bancos e sistemas de pagamento.

Criptomoeda
Foto: WorldSpectrum/Pixabay

No entanto, segundo o governo chinês, essa medida é restrita apenas a instituições financeiras. Pessoas podem continuar utilizando os criptoativos para pagamento normalmente.

De acordo com a Reuters, o anúncio da medida foi feito por três órgãos do setor financeiro: o National Internet Finance Association of China, a China Banking Association e a Payment and Clearing Association of China.

Segundo eles, a decisão foi tomada pelo governo devido aos riscos presentes no comércio de criptomoedas.

“Recentemente, os preços das criptomoedas dispararam e despencaram, e o comércio especulativo de criptomoedas se recuperou, infringindo gravemente a segurança da propriedade das pessoas e perturbando a ordem econômica e financeira normal”, declarou o governo em um comunicado.

Por conta disso, a partir de agora, bancos e empresas com sistemas de pagamento online não podem mais oferecer nenhum serviço que envolva o registro, negociação ou compensação de criptoativos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

DESTAQUES