Início For Gamers Call of Duty: Warzone tem mais 15.000 jogadores banidos

Call of Duty: Warzone tem mais 15.000 jogadores banidos

Por conta de trapaças para vencer suas partidas, Call of Duty: Warzone bane 15.000 jogadores e promete mais ondas de bans

Call of Duty: Warzone é um dos jogos mais populares do momento, mas muitas pessoas acabam frustradas por conta de jogadores usando trapaças para vencer. Já para combater este problema, a Raven Software, desenvolvedora do jogo, anunciou que 15.000 contas foram banidas.

A informação vem direto de um tuíte publicado no perfil da desenvolvedora, que ainda afirma que mais uma onda de banimentos está a caminho. Recentemente, a Raven Software chegou a banir 60.000 jogadores em fevereiro e mais 13.000 em março por causa de trapaças nas partidas de Call of Duty: Warzone.

Um dos truques mais comuns que os trapaceiros usavam era a possibilidade de ficar invisível para os adversários. Não somente isso, o “stim glitch” também foi bastante utilizado para jogadores obterem vantagens nas “áreas de gás”.

Programa para trapacear em Call of Duty: Warzone tinha malware

Também há pouco tempo atrás, a Activision divulgou uma pesquisa feita indicando que alguns hacks para o seu jogo poderiam estar instalando malwares nos computadores dos jogadores.

Já nesta terça (6), o Call of Duty: Warzone recebeu uma atualização que nerfou as armas AUG e FFAR 1. E, em março, uma atualização para o jogo diminuiu o tamanho que o mesmo ocupava no disco dos seus jogadores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

DESTAQUES