Início For Gamers Call of Duty: Warzone já baniu mais de 500.000 cheaters

Call of Duty: Warzone já baniu mais de 500.000 cheaters

Última onda de banimento de trapaceiros em Warzone soma mais 30 mil contas; muita gente comemora, outros reclamam que foram banidos injustamente

Os trapaceiros – famosos cheaters – continuam na mira dos desenvolvedores de Call of Duty: Warzone. A última onda de banimento, segundo a Raven Software, eliminou mais 30.000 contas do jogo. E assim, de lotes em lotes, o estúdio já contabiliza mais de meio milhão de contas banidas em Warzone.

Os trapaceiros são uma verdadeira praga em Call of Duty: Warzone desde o lançamento do título. Mas tanto a Raven Software quanto a Activision não baixaram a guarda nessa batalha. Em fevereiro deste ano, mais de 60 mil contas foram banidas; na época, o total já chegada a cerca de 300 mil.

Frustração!

O diretor criativo da Raven, Amos Hodge, já expressou sua imensa frustração com os cheaters em Warzone e após a nova onda de banimentos, deixou uma mensagem para os players em uma entrevista à VGC: “enquanto você está chateado porque isso arruinou seu jogo, estou chateado porque está arruinando alguns dos melhores trabalhos que já fiz na minha vida”, declarou.

“Temos 100 milhões de jogadores, este é um palco enorme e um dos melhores trabalhos que já fizemos, e ter trapaceiros entrando e arruinando o jogo nos incomoda mais do que ninguém”, completou Hodge.

Verdansk - Call of Duty Warzone
Reprodução: divulgação/Activision

Portanto, parece que a Raven Software não está desistindo de sua guerra contra os trapaceiros. E conhecendo os trapaceiros, eles não vão parar de tentar hackear e quebrar a zona de guerra para ganhar mais. Portanto, parece que, como a luta eterna entre o bem e o mal, a batalha entre trapaceiros e desenvolvedores continuará até a morte do universo.

Polêmica e discussão em Warzone

Claro, a maioria dos jogadores de Call of Duty: Warzone comemora e vê com bons olhos os esforços feitos para tentar acabar com o problema. Ainda assim, tem muita gente reclamando que foi banida injustamente dizendo que suas contas foram hackeadas. Há também quem ainda reclame dizendo que é muito fácil contornar esses banimentos uma vez que os cheaters podem simplesmente criar novas contas.

No início do ano, uma publicação no blog oficial do Call of Duty confirmou a existência de um programa anti-cheat e prometeu “as equipes de segurança e fiscalização têm medidas adicionais chegando – preventivas e repressivas – ao longo do ano para erradicar tanto trapaceiros quanto os provedores de trapaça”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

DESTAQUES